sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Speccy Pong


Nome: Speccy Pong
Editora: NA
Autor: Julián Urbano Muñoz
Ano de lançamento: 2017
Género: Ação
Teclas: Não redefiníveis
Joystick: Não
Número de jogadores: 2

Para quem não conhece a história de Pong, basta dar uma espreitadela ao Wikipedia que rapidamente verá que este faz parte das história dos videojogos. Desenvolvido pela Atari em 1972, rapidamente se tornou um sucesso comercial e foi a partir daqui que a indústria percebeu o potencial lucrativo dos videojogos. Ao longo dos 45 anos da sua existência deu origem a inúmeros clones e até a consolas que apenas tinham este jogo e derivados (temos em nosso poder uma de 1976, a Vídeomaster).

Surgiu agora um novo clone, que vai a concurso no prestigiado evento Zx-Dev Conversions, e que muito mais novidades nos irá trazer nos próximos tempos (começaram agora a aparecer os primeiros jogos finalizados). E se não estamos perante a melhor versão de Pong, andará muito perto.


Speccy Pong recria na perfeição o original, uma espécie de ténis, com apenas uma plataforma de cada lado e uma bola em movimento constante, que temos que rebater para o campo do adversário. Mas esta versão tem muito mais opções. A primeira, e mais interessante, é o facto de poderem jogar duas pessoas em simultâneo. E de facto, contra um adversário humano, é outra coisa.

Poderão ainda mudar as cores, tornando o campo mais atrativo, e desligar o som (para que os vossos familiares não percebam que ficam a noite toda a mandar bolas de um lado para o outro). E se estão com problemas em ganhar um jogo, podem alterar o nível de dificuldade, mas desde já avisamos que mesmo no nível mais fácil, irão ver-se às aranhas para bater o computador, que é um jogador tremendo.

E pouco mais há a dizer, a não ser que venham rápido aqui descarregar o jogo, pois tem tanto de simples, como de viciante.

Sem comentários:

Enviar um comentário