segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Moritz 128 k


Nome: Moritz (128 k)
Editora: NA
Autor: Sebastian Braunert
Ano de lançamento: 2017
Género: Plataformas
Teclas: Não redefiníveis
Joystick: Não
Número de jogadores: 1

E tal como havíamos anunciado em setembro, Moritz teve agora direito à versão 128 k, a qual tivemos o privilégio de ajudar o seu autor a testar. Relativamente à versão original, que pode aqui ser obtida e também consultada a nossa review original a esse lançamento, nota-se uma grande evolução a todos os níveis, com novos gráficos e sprites, ecrãs adicionais, um mais refinado sistema de colisão, e a adição de excelentes melodias durante o jogo, algumas das quais até constam nas nossas preferências, casos de Everything Counts (Depeche Mode), Sweet Dreams (Eurythmics) e Electricity (Orchestral Manouvres in the Dark). Aliás, vale a pena carregar esta nova versão de Moritz, nem que seja para bater o pé ao som do synth pop que vem incluído no jogo.

A mecânica desta nova versão mantém-se em tudo fiel à versão 48 k, mas nota-se agora uma maior diversidade de cenários. Alguns mais fáceis, outros diabólicos, sempre a jogar contra o tempo, mas implicando também uma estratégia diferente para chegar ao fim do nível. Com tudo isso, a jogabilidade ganhou bastante aumentando os motivos de interesse para passarem aqui umas boas horas.

Desta forma, e apesar de não irmos repetir tudo aquilo que já dissemos quando fizemos a review a Moritz, vamos dar uma nova classificação, aplicável a esta versão 128 k, que ainda aguarda por um ecrã de carregamento. Poderão também obter aqui esta nova versão. E já agora, se não sabem, Moritz é dedicado ao cão de Sebastian Braunert, que tem precisamente esse nome.

Sem comentários:

Enviar um comentário