quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

Astromash! ZX


Nome: Astromash! ZX
Editora: Amcgames
Autor: Aleisha Cuff
Ano de lançamento: 2018
Género: Shoot'em'up
Teclas: Não redefiníveis
Joystick: Kempston, Sinclair
Memória: 48K
Número de jogadores: 1

Dsede que Allan Turvey criou um shooter (InvAGDers) com recurso ao Arcade Games Designer, que as possibilidades desta ferramenta expandiram-se para novos géneros de jogos, tendo agora Aleisha Cuff aproveitado o AGDx (versão melhorada deste motor), para um lançamento do mesmo género. E curioso que, pouco tempo após o encerramento do concurso ZX-Dev Conversions, apareça mais uma conversão de um jogo do início dos anos 80.

Astrosmash! ZX é assim uma conversão de um jogo lançado em 1981, para a plataforma Intellivision (Mattel). Na altura foi um sucesso de vendas, tendo vendido mais de um milhão de cópias, estando no top 5 desse sistema. Originalmente foi concebido para ser o lado B de um clone de Asteroids, mas felizmente, algum visionário viu o potencial deste jogo, e os resultados falam por si.


A mecânica de Astromash! ZX é muito semelhante a jogos como Space Invaders ou Asteroids, mas apresenta algumas diferenças relevantes. Assim, comandamos um canhão laser que tenta defender o planeta de uma invasão alienígena. Esta aparece na forma de meteoritos, bombas, naves que disparam contra nós e uma chuva de detritos que que caem do céu. Se o nosso canhão for atingido, perdemos uma vida. Além disso, o planeta também só tem capacidade para aguentar um certo número de impactos, sendo que quando essa capacidade é esgotada, perdemos também uma vida.

Para nos ajudar, a programadora contemplou algumas ajudas. Temos assim a opção de autofire, que evita que estejamos sempre a dar ao gatilho, e a de hiperespaço, que permite mudarmos instantaneamente para outro ponto do planeta, de grande utilidade quando estamos prestes a sermos atingidos. Além disso, a partir do nível 3 aparecem uma naves, que se abatidas, aumenta o número de vidas ao nosso dispor (também ganhamos vidas fazendo pontos).


Astromash! ZX é do mais básico e simples que existe. Só tem 2 ecrãs, o preto e o azul, mas à medida que vamos avançando nos níveis, a velocidade, género e número de inimigos vai aumentando, dificultando a nossa tarefa. Mas apesar da simplicidade, joga-se com muito agrado, sendo ideal para aqueles que gostam de bater recordes de pontos.

O jogo é gratuito e pode aqui ser descarregado.

Sem comentários:

Enviar um comentário